A verdade no brasil

Carregando...

domingo, 29 de agosto de 2010

Na Ditadura Militar tivemos heróis e falsos hérois.

Ao falar em ditadura militar, nos lembramos de artistas brasileiros que lutaram contra ela, direta ou indiretamente.


Entre 1964-1985 tivemos a mais tirana das leis entrávamos na era do AI-5, um dos golpes mais severos da ditadura militar. A censura fez com que os artistas utilizam-se de estratégias para driblar o governo que inspencionava as sua músicas. Em "Cálice", de Gilberto e Chico a sonoridade do título da música ("cale-se") já era uma afronta ao governo, mas ao mesmo tempo, poderia ter um tom religioso.   Geraldo Vandré, Gilberto Gil, Chico Buarque de Holanda, Caetano Veloso, entre outros cantores, tiveram que se exilar do Brasil por causa das suas canções-protesto. As suas músicas  de duplo sentido iam de encontro  ao governo tirano da época.

Foi ai que tivemos, por mero conformismo, músicas que prendiam as pessoas com a temática de escândalos sexuais, dentre as quais, eu cito:


"Splish Splash" do Roberto Carlos, porque para as pessoas daquela época era um pecado namorados, noivos e até pessoas casadas se beijarem em público.


De acordo com os Historiadores e suas pesquisas o Roberto Carlos foi nomeado "Rei" pelo próprio governo por esse motivo:


- Enquanto as pessoas achavam um absurdo as música como a de Roberto, as pessoas deixavam de ir as ruas protestar contra o governo.

Nesse momento, Roberto Carlos decide homenagear Caetano Veloso com a música "Debaixo dos Caracois", que trata do momento que Caetano foge do Brasil para a Inglaterra para fugir da ditadura.
Do meu ponto de vista, Roberto Carlos realmente é um Rei, mas foi consagrado pelo tempo após a ditadura, pelas suas músicas e carisma (principalmente com as mulheres). Mas na época da ditadura militar os reis e rainhas eram os que lutavam por um Brasil sem preconceitos e pela liberdade de expressão.





Moisés Brilhante.



 

Um comentário:

  1. Bom, oque eu tenho a dizer aqui cara NOSSA, muito bom mesmo.
    Sinceramente não imaginava que suas ideias sobre tais assuntos fossem tão complexas.
    O engraçado é que esse assunto me chamou muito a atenção pelo fato de sempre termos aulas com a Anne de Artes sobre esse assunto do militarismo, sobre os cantores e suas músicas que utilizavam para ingadar suas opiniões ao governo.
    enfim, gostei bastante, indicarei aos meus amigos.
    Sucesso ai nos seus textos ;p
    by . Emmanuel Miranda

    ResponderExcluir